Cânhamo, o futuro da construção

Concreto feito de cânhamo pode ser a revolução na construção civil. Mais conhecido como HempCrete, o material é totalmente hermético e serve para a construção de pisos, paredes e outros materiais como tapumes.

Antes de tudo, você sabe a diferença entre a maconha e seu primo careta, o cânhamo?
Cânhamo e maconha são diferentes tipos de plantas de cannabis. Ao contrário da maconha, o cânhamo produz muito pouco ácido tetrahidrocanabinólico, o THCA, que se transforma em THC quando aquecido. THCA/THC é responsável pela produção dos efeitos psicoativos da erva.

O cânhamo é uma das mais antigas e conhecidas culturas domésticas, tem sido usado há milhares de anos para fazer papel, tecidos e cordões. O cânhamo foi amplamente cultivado entre os colonos e os primeiros norte-americanos. O próprio George Washington cultivou cânhamo em Mount Vernon, Virginia, para fins industriais.

A produção de cânhamo começou a diminuir nos Estados Unidos por volta de 1937, quando a Lei do Imposto sobre a Marijuana instituiu regulamentos restritos para o cultivo e venda de qualquer espécie de cannabis, incluindo o cânhamo. O Ato de Substâncias Controladas, de 1970, deu um passo a mais classificando todas as formas de cannabis como drogas na Lista I. Isso tornou ilegal cultivar cânhamo nos EUA. Desde então, os fabricantes só foram autorizados a importar cânhamo de países da União Europeia e do Canadá.

Leia mais: Cânhamo, o cultivo perfeito para bioenergia?

Mas o cânhamo voltou a brotar nos EUA. Em 2014, o ex-presidente Obama assinou a Farm Bill 2013, uma legislação que, entre outros assuntos da política agrícola, legitima a pesquisa industrial do cânhamo, definindo que sua cultura é distinta da maconha, e permite aos estados criarem suas próprias legislações para pesquisas e desenvolvimento do cânhamo industrial. Estados como Kentucky, Colorado e Oregon já estão conduzindo seus próprios programas piloto e outros estados estão promulgando legislações semelhantes.

O interesse pelo cânhamo e a sua produção industrial têm crescido. Os materiais de construção à base de cânhamo vêm ganhando força entre os seus defensores que afirmam representar alternativas ecológicas sustentáveis aos materiais da construção tradicional como o concreto.

Leia: Literalmente, uma viagem: empresa do Canadá cria avião feito de cânhamo

É uma casa muito engraçada que, feita de cânhamo, ajuda a deixar a natureza preservada

Mais conhecido como HempCrete, o concreto de cânhamo é um material de construção bio-composto feito com a parte interna do caule da planta (a parte externa é utilizada na produção de tecidos), parecido com madeira balsa, que é misturada com cal e água.

Pesando cerca de menos de 1/7 (um sétimo) do peso do concreto tradicional, o HempCrete é um material totalmente hermético, no entanto respirável e flexível, e serve para a construção de pisos, paredes e outros materiais como tapumes.

 Cânhamo, o futuro da construção

Isolamento feito com o hempcrete.

De acordo com a EcoBuilding.org, o HempCrete é um material isento de toxinas, não é atacado pelo mofo nem por pragas e é resistente ao fogo. Por se tratar de um material auto-isolante, o concreto de cânhamo pode minimizar a necessidade de aquecimento, refrigeração e controle de umidade dentro de casas.

Uma vez que o cânhamo é um recurso renovável de rápido crescimento, ele proporciona um material de construção ecologicamente sustentável. É um material que pode absorver o carbono antes e depois da construção.

Certamente hoje em dia, o HempCrete é a opção mais ecológica para a construção civil. Com uma cultura mais rápida e sustentável, o cânhamo pode ser a revolução das futuras construções. No Brasil, se já tivéssemos a cultura da cannabis regulamentada, o concreto de cânhamo seria uma escolha excelente, ecológica e mais em conta para a construções civil e social.

Enquanto aguardamos algumas mudanças por aqui, confira abaixo algumas propriedades construídas com o HempCrete:

 Cânhamo, o futuro da construção

Casa em Longford, na Irlanda.

 Cânhamo, o futuro da construção

Casa construída nas montanhas de Asheville, na Carolina do Norte.

 Cânhamo, o futuro da construção

Pequena casa em Bellingham, Washington.

 Cânhamo, o futuro da construção

Uma eco-aldeia no Reino Unido, projeta por Kevin McCloud.

 Cânhamo, o futuro da construção

Casa de James Savage em Stuyvesant, NY, usa hempcrete para o isolamento. “Quem diria que o cânhamo seria a resposta para o que estava procurando?”, Disse Savage.